União da Furna é campeão do Varzeano de Gramado

0
2379


Pelo quarto ano consecutivo, a comunidade da Linha Furna pode soltar o grito de “é campeão” no Varzeano de Gramado. A equipe do União da Furna sagrou-se campeã da Primeira Divisão do Futebol de Gramado, ao bater nos pênaltis a equipe do Independente A, na tarde do último domingo, na Serra Grande.

Em uma bela tarde de sol, a torcida lotou as dependências do Esporte Clube Independente, na localidade da Serra Grande, todos os espaços foram ocupados pelos torcedores. Em campo, duas das maiores equipes do futebol gramadense na atualidade. A equipe do Independente buscava o título que não vem desde 2006, e que por duas oportunidades bateu na trave, nas temporadas de 2014 e 2015. Já o União da Furna buscava seu quarto título em sequência, confirmando como um dos maiores campeões da década.

Após empate em 1 a 1 na partida de ida, disputada na Linha Furna no dia 16, quem vencesse ficaria com o título. Porém o jogo foi de muito estudo, de muita pegada e com as principais jogadas em bola parada. O Independente teve no mínimo 4 chances claras de gol que foram paradas pela excelente atuação do sistema defensivo da Furna, comandado pela experiência do goleiro Lítika, principal nome da partida.

Pênaltis

Após o placar permanecer inalterado até o final da partida, a disputa foi realizada nas penalidades máximas. Dan, converteu para o Independente, Hélio converteu para a Furna. Espoleta acertou na trave. Cristian colocou a Furna na frente. Claudiomiro marcou o segundo da equipe da Serra Grande. Renan também converteu para a Furna. Na cobrança de Tailor, brilhou novamente o goleiro Lítika, que defendeu a cobrança. Guilherme marcou o gol que deu o título para o União da Furna, com placar de 4 a 2.

Arbitragem

A arbitragem da partida ficou a cargo do arbitro FIFA Anderson Daronco. Considerado um dos melhores árbitros da América do Sul. Daronco comandou bem a partida e ao final do jogo atendeu a pedido de fotos de diversos torcedores, atletas e profissionais que trabalhavam no local. À reportagem da Rádio Gramado FM, Daronco destacou que tem um carinho especial pelo futebol amador. “Eu comecei pelo futebol amador, então é uma satisfação imensa. Eu volto as origens, me remete ao início da carreira, é sempre um prazer pode apitar esse tipo de partida, onde recebemos o carinho e o respeito da comunidade.” Conclui.

Título

O União da Furna garante seu quarto título na sequência, e o quinto do Varzeano de Gramado (1978, 2014, 2015, 2016 e 2017).  Já o Independente segue sem conseguir repetir o feito de 2006. A equipe conquista seu terceiro vice-campeonato num intervalo de três anos (2014, 2015 e 2017) todos diante do União da Furna.

Torcida

Um show a parte foi a presença da torcida, que lotou todos os espaços destinados à ela. Tanto torcedores da Serra Grande quanto torcedores da Linha Furna estiveram presentes e torceram com muito respeito. Depois de alguns anos, as comunidades recebem as finais do Varzeano. O Secretário de Esportes e Lazer Jacó Schaumloeffel destacou a importância do torcedor. “Conseguimos devolver a final para as sedes, o resultado ta ai, o público compareceu, fez bonito, muito educado, apoio seu time, não tivemos nenhum caso de violência. O Varzeano voltou para as comunidades.” Destacou. O Prefeito Fedoca, que acompanhou a partida, também elogiou a torcida. “O grande espetáculo quem deu foi a torcida. Vibrante, apaixonada e ordeira. Tivemos aqui o exemplo de respeito, de fair play, de uma disputa sadia.” Afirma Fedoca.

Litika

Com 44 anos, novamente o goleiro Litika é um dos principais personagens da partida. Com sua liderança e experiência, comandou o sistema defensivo da Furna sempre que foi exigido. Também pegou um dos pênaltis que decretaram a vitória por 4 a 2 nas penalidades máximas. Ao final, prêmio de destaque da partida. Litika prestou uma grande homenagem ao goleiro Graxinha, que faleceu no final do ano de 2016. “Como poderíamos esquecer de um menino que cresceu com nós, cresceu comigo, um menino que tive o prazer de ajudar a seguir uma carreira que ele gostava, é uma homenagem de coração.” Afirmou Litika.

Premiações Individuais

Nas premiações individuais, a artilharia ficou com Renan Cardoso, do Catorze Bolachopp. A melhor defesa foi de Maikol, também do Catorze Bolachopp. A revelação da competição foi Matheus Teixeira, do Independente B. A disciplina também ficou com a equipe do Independente B, assim como o troféu de terceiro lugar na competição.