Turismo promove visita de beneficiários da Apae de Gramado à Prefeitura

0
419
Alunos e professores da Apae com o prefeito e a secretária adjunta de Turismo. Foto: Carlos Borges.


A visita começou pelo Gabinete do Prefeito na manhã de terça-feira, 24, e terminou com um café da manhã no auditório da Prefeitura. A ação fez parte das comemorações do Dia Mundial do Turismo, que é celebrado oficialmente no dia 27 de setembro.

O encontro resultou em registros fotográficos, a partir de celulares dos beneficiários da Apae, e breve troca de informações sobre o cotidiano dos visitantes e as atribuições do prefeito Fedoca Bertolucci (PDT)

Carlos Santos Marques, por exemplo, morador da Várzea Grande, um dos beneficiários da Apae, fez questão de agradecer ao prefeito pelo asfalto executado na sua rua.

Para o prefeito Fedoca Bertolucci (PDT), no caso da pessoa com deficiência, deve haver um maior protagonismo destes no sentido da autonomia, cidadania e independência.

APAE
A Apae de Gramado disponibiliza atendimento com equipe multidisciplinar em áreas que compreendem neurologia, psiquiatria, fisioterapia, terapia ocupacional, estimulação precoce, fonoaudiologia e psicopedagogia para 131 beneficiários.

Uma grande expectativa para a comunidade da Apae é a construção da nova sede (em andamento), que deve ampliar a capacidade de atendimento e diminuir ou eliminar a fila de espera.

“As expectativas são as melhores possíveis. A nova sede da Apae está sendo construída pensando no futuro. Teremos mais coisas, como piscina (hidroterapia), estrutura para atendimento individual e o dobro da capacidade atual”, disse a fonoaudióloga e coordenadora da Apae, Cristiane Parmegiani.

ESTUDO, TRABALHO E LAZER
Cristiane Parmegiani também explicou que alguns dos beneficiários estudam na rede pública regular (Ensino Fundamental), e outros, que já cumpriram essa fase, frequentam somente a Apae.

Os beneficiários da Apae, ainda segundo a coordenadora, podem buscar emprego no mercado formal de trabalho ou desempenhar atividades informais (artesanato, por exemplo).

“Com os recursos, realizamos passeios, saímos para um café em uma padaria, coisas assim. Essas atividades externas nos trazem convívio e inclusão social, que é o caso desta visita à Prefeitura, proporcionada pela Lilian Koppe, da Secretaria de Turismo”, contou a coordenadora da Apae.

As idades dos beneficiários podem variar dos primeiros meses de vida até os 70 anos – um caso existente.