Ronsoni protocola Moção de Apoio pelo fim dos impostos sobre os combustíveis

0
707
Posto de combustIvel, em São Cristóvão, na zona norte da cidade, recebe gasolina e volta a abastecer, gerando enormes filas de carros e motos.


Nesta quinta-feira (13), o vereador Rafael Ronsoni (Progressistas), protocolou na Câmara de Vereadores uma Moção de Apoio ao presidente da República, Jair Bolsonaro (Aliança Pelo Brasil), referente à proposição de zerar os impostos federais incidentes sobre os combustíveis. Bolsonaro afirmou na semana passada que vai zerar tributos federais sobre combustíveis se os governadores zerarem o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) do produto.

Rafael Ronsoni justifica os motivos de protocolar a Moção de Apoio. Entre os motivos elencados estão à necessidade de iniciar uma discussão entre a União, os Estados e Municípios sobre o tema. “Rio Grande do Sul é um dos estados com a maior carga tributária do país. E, ao longo dos anos, em vez de termos uma gradativa melhora dos serviços públicos, temos municípios gaúchos à beira da falência que se quer prestam o mínimo à nossa população, enquanto a arrecadação se mantém em elevados níveis”, esclarece. 

Caso seja aprovada, a Moção de Apoio será enviada para diversas autoridades, entre elas, o presidente da República, vice-presidente, ministros, senadores, deputados estaduais e federais, e ao governador Eduardo Leite (PSDB).