Representantes da sociedade se reúnem para planejar agenda estratégica

0
1262
Representantes da sociedade tem participado diretamente da construção da Agenda Estratégica. Foto: Martina Belotto.


Pensar e planejar Gramado para as próximas décadas tem sido um dos maiores objetivos da administração municipal, que busca preparar a cidade para os desafios do crescimento, com um olhar focado na valorização do capital socioambiental. A elaboração de uma agenda estratégica para o desenvolvimento sustentável e para a mobilidade urbana do município tem reunido os principais anseios da comunidade, apontando conflitos e potencialidades para que sejam pensadas e criadas as grandes estratégias e projetos para a Gramado que tanto se almeja. O projeto servirá de base para o futuro Plano Diretor.

“Com a participação de representantes e lideranças da comunidade, estamos buscando em conjunto apontar os problemas críticos enfrentados pelos moradores e turistas no dia a dia e, principalmente, encontrar novas frentes para oxigenar o turismo e a economia da cidade, sob o viés da sustentabilidade, um dos maiores princípios dessa gestão”, relata o secretário de Planejamento, Urbanismo, Publicidade e Defesa Civil, Jeferson Zatti.

O representante da equipe projetual da CEPA Consultora na região, Daniel Caporale, salienta que todo o trabalho, que vem sendo desenvolvido desde dezembro, está sendo interligado. “Para a legitimidade desse projeto é muito importante a adesão e participação da comunidade no processo, pois as experiências e conhecimentos que possuem sobre sua cidade são questões fundamentais”, destaca Caporale.

A agenda estratégica prevê informações e soluções sobre diversas áreas do município, como mobilidade urbana, turismo, agricultura, economia, meio ambiente, saúde, educação, entre outras.

Oportunidade para pensar o futuro de Gramado

Representantes da sociedade civil e organizada estão convidados a participar da segunda oficina participativa da Agenda Estratégica de Desenvolvimento Sustentável e Mobilidade Urbana com o arquiteto e urbanista Rubén Pesci e equipe da CEPA Consultora. As atividades ocorrem em dois dias, 22 e 23 de março, quinta e sexta-feira, das 14h às 19h, no Polo Véra Grin da Universidade Aberta do Brasil (UAB), no bairro Moura.

O objetivo dos encontros é encontrar estratégias sustentáveis, buscando combater os conflitos e aproveitar as oportunidades do município. Na ocasião, serão apresentados os resultados dos últimos trabalhos, com os principais conflitos e as principais potencialidades observadas pelos grupos.

A metodologia utilizada durante as oficinas é de trabalho em dois grupos nas temáticas de Ecoforma, sobre questões de biodiversidade e ecossistemas naturais, e de Socioforma, questões sociais e econômicas.