Rasen Bier promoveu evento para celebrar 10 anos de história

0
1496
Foto: Divulgação.


A Rasen Bier está completando 10 anos de história e para celebrar a data a empresa promoveu uma grande festa na noite de 04 de dezembro, terça-feira. O evento de aniversário, realizado no restaurante Rasen Platz, na Rua Coberta, em Gramado, teve música ao vivo, coquetel com diversos pratos da culinária germânica e muito chopp da Rasen. Compareceram centenas de convidados, incluindo amigos, colaboradores, autoridades e imprensa. A noite também marcou o lançamento de uma cerveja especial, comemorativa aos 10 anos da Rasen Bier, com rótulo homenageando pontos turísticos históricos da Serra Gaúcha: a Catedral de Canela, o Lago Negro de Gramado, o Pórtico de Taquara e a Estação Ferroviária de Canela.

“É um orgulho para toda nossa equipe reunir amigos e incentivadores que fizeram parte destes 10 anos de história”, destacou um dos sócios, Rodrigo Thiele da Luz. Os irmãos e sócios Augusto e Guilherme Schwingel Luz relembraram momentos históricos da empresa como o início de tudo, quando as garrafas eram rotuladas manualmente por eles, fazendo uma alusão ao inicio desafiador. A noite contou ainda com homenagens ao primeiro cliente, empresa Di Paolo, primeiro fornecedor, Chopeiras Eltz e ao mestre cervejeiro Sady Homrich, que tiveram papel de destaque durante os 10 anos.

História

A história da Rasen Bier começou bem antes do primeiro malte ser moído no pavilhão da Rua Cândido Godói, em Gramado, há dez anos. A semente do gosto pela cerveja, da inovação e do empreendedorismo foi cultivada pelos pais e avós dos três fundadores: os irmãos Guilherme e Augusto Schwingel Luz, e o primo Rodrigo Thiele da Luz. Guilherme e Augusto eram crianças quando o avô, o empresário Renaldo Henrique Schwingel, vendeu sua parte em uma empresa de transportes e comprou uma pequena fábrica de chocolates da cidade, a Lugano. Mais tarde, o pai, Francisco Terres Luz, chamou a atenção dos filhos para a produção da cerveja, como um filão a ser explorado em Gramado. Além deles, a mãe dos jovens empreendedores, Rosmari Schwingel Luz, ofereceu um incentivo: o dinheiro da venda de um apartamento na cidade, montante que os dois irmãos adiantaram por meio de um empréstimo.

Foi nesse momento que Augusto e Guilherme chamaram o primo, Rodrigo, para se unir a eles na empreitada. Os primeiros caminhões com o maquinário para a fábrica chegaram no final do inverno de 2008. Depois disso vieram a primeira limpeza dos tanques, a brassagem e a fermentação, o primeiro envase, e as primeiras vendas. Naquele período inicial, a Rasen Bier não chegava a operar com a capacidade produtiva máxima, cerca de 10 mil litros por mês, e a primeira tentativa de levar a Rasen a um público maior foi por meio de eventos e festivais nas cidades próximas. Na busca por novos mercados, a escolha natural foi Porto Alegre, e o apoio de um amigo nesse período foi fundamental: o burgo-mestre Sady Homrich, de grande importância para o desenvolvimento do trio de empreendedores.

Na sequência, iniciou-se a produção de uma segunda receita de cerveja elaborada pela mestre cervejeira Kátia Jorge: a Rasen Bier Dunkel. A cerveja tornou-se a mais premiada da empresa, conquistando a medalha de Ouro em sua categoria no 3º Concurso Brasileiro de Cervejas de 2012, e duas vezes medalha de Ouro — em 2016 e 2017 — na categoria comercial Lager Styles German Schwarzbier no Concurso Brasileiro de Cervejas de Blumenau. Em 2010, inspirados pelas visitações feitas às chocolaterias e em uma tentativa de se aproximar dos seus consumidores, a Rasen Bier abriu as portas aos visitantes. Na fábrica, as visitas guiadas dos turistas inspiraram a criação de um bar que atendesse os consumidores após o tour e oferecesse a degustação dos produtos e a venda de chope e cervejas disponíveis.

Gastronomia

O ponto de contato e experiência com o consumidor impulsionou, anos depois, o investimento em um novo segmento: a gastronomia. Em meio a todos esses avanços, o ano de 2011 ficou marcado na memória dos três empreendedores como o de obtenção do primeiro reconhecimento do segmento cervejeiro. A Rasen Bier Ambar Ale e a Rasen Bier Weizen foram as primeiras cervejas a serem premiadas no Concurso Brasileiro de Cervejas promovido pela Associação Brasileira dos Degustadores de Cerveja (Abradeg). A cerveja de trigo recebeu a medalha de Bronze na categoria Cerveja Nacional Estilo Hefeweiss/ Hefeweizen, e a Ambar Ale, a medalha de Prata na categoria Cerveja Nacional Estilo Pale Ale.

O reconhecimento do mercado motivou uma nova ampliação da capacidade produtiva da empresa. Em meados de 2012, com a fábrica operando em seu máximo, o trio deu início a um projeto de expansão. Pronta para novos saltos, a empresa também decidiu abrir novos mercados. A cervejaria, que já tinha seus produtos comercializados nas lojas da Chocolates Lugano, em Gramado, abriu uma distribuidora no Bairro Campo Belo, em São Paulo. Além disso, a relação com Gramado foi estreitada com a abertura do primeiro ponto de venda próprio: o quiosque da Rasen em Gramado, localizado no Largo da Borges, a poucos metros da Rua Coberta e do Palácio dos Festivais. No aniversário de quatro anos, houve ainda uma renovação na imagem da empresa, com a apresentação de novos rótulos para as embalagens de 600ml e 300ml. Em 2014, a empresa voltou seu olhar para processos internos e de consolidação da cervejaria no mercado.

Este período também coincidiu com uma participação maior de Guilherme e Augusto na empresa dos pais, a Chocolates Lugano, com empreendimentos ligados à gastronomia e ao entretenimento. O primeiro deles foi o Mundo do Chocolate, inaugurado em março de 2015 e que reúne 200 esculturas em chocolate maciço elaboradas pelos chefs e escultores Abner Ivan e Fernando de Oliveira. Ao lado da atração foi instalada uma nova loja-conceito da chocolateria, que abriga as instalações de um café. No subsolo deste prédio, em dezembro de 2015, foi inaugurado o Boreal Rasen GastroPub, e em novembro de 2016, abriram-se as portas do primeiro Rasen Deutsch Bar, em frente ao Mundo do Chocolate. O ano terminou com uma festa em comemoração aos 40 anos da Lugano, realizada no Boreal Rasen GastroPub e com a inauguração do Ice Bar, um parque temático com cerca de 150m² no qual a temperatura se mantém a -15°C.

Rasen Platz, parcerias e projetos para o futuro

Ao longo de 2017, os empresários iniciaram as obras do seu maior empreendimento: o Rasen Platz. Em parceria com a Gramado Parks — empresa que desenvolve, constrói e opera parques temáticos, como o Snowland — realizaram um investimento de R$ 15 milhões para a construção de um local que proporcionasse aos consumidores uma experiência típica alemã. Em 12 de dezembro de 2017, foi inaugurada a primeira fase do empreendimento, um restaurante inspirado no estilo arquitetônico das principais cervejarias de Munique, na Alemanha.

O resultado foi a construção de um prédio com um pé direito de 12m, com a área total de 2 mil m² e capacidade para atender 590 pessoas. Além da arquitetura clássica de Munique, o Rasen Platz tem diariamente showscom uma bandinha típica alemã, além de petiscos e pratos que traduzem o espírito e a herança da culinária germânica. O planejamento dos empreendedores é que em 2019 seja inaugurado junto ao Rasen Platz o Museu da Cerveja. O espaço foi pensado para que os consumidores e turistas tivessem uma experiência ainda mais rica, conhecendo detalhes sobre a história e sobre a produção da bebida ao redor do mundo.

Segundo os empresários da Rasen Bier, o desafio da empresa é chegar a lugares ainda pouco explorados pelas cervejarias artesanais brasileiras. E essa nova fase de crescimento é possível graças a uma série de parcerias. A primeira delas foi a inauguração da Casa Aveiro, um restaurante de culinária portuguesa instalado junto ao Mundo do Chocolate. Sob a tutela de Dolores e Kátia Aveiro, mãe e irmã do atacante da seleção portuguesa e do Juventus, da Itália, Cristiano Ronaldo, o restaurante é o primeiro de Gramado a servir os clássicos da Ilha da Madeira, onde CR7 nasceu e cresceu.

Desde fevereiro de 2018, a empresa conta ainda com um novo sócio, a holding H3F, de São Paulo, que tem trabalhado para a expansão da cervejaria e de alguns empreendimentos gastronômicos ligados à marca, em especial, as franquias. A primeira unidade franqueada do Rasen Deutsch Bar foi aberta em novembro de 2018, em Canoas, no Rio Grande do Sul. A capital do estado contará, a partir de dezembro do mesmo ano, com a segunda unidade franqueada. A previsão é que até 2020, o Rasen Deutsch Bar tenha 30 pontos espalhados pelo país. A exportação também está entre as prioridades. Em outubro de 2018, a Rasen Bier carregou o seu primeiro contêiner de cerveja para venda nos Estados Unidos. E a marca já tem representação na China.