Projeto Estórias Fantásticas segue com apresentações nas escolas

0
898
Foto: Rafael Cavalli


Na sexta-feira, dia 28, iniciou a maratona de apresentações do projeto Estórias Fantásticas – Teatro em Caixas, contemplado pelo Fundo de Cultura de Gramado. Na Linha Araripe, a Escola Alberto Pasqualini foi o primeiro educandário a receber as apresentações das peças em forma de teatro de bonecos “A noiva do condutor” e “O Pequeno Príncipe”. “Foi muito legal, levamos a arte bonequeira para onde nunca ela havia chegado”, ressalta Daiene Cliquet, produtora do projeto. Ao final da apresentação, os bonequeiros André Guedes, Cesar e Daiene Cliquet, realizaram um bate-papo como os estudantes explicando como tudo era feito. “Eles ficaram encantados e muito curiosos”, acrescenta Cesar.

Na segunda-feira, dia 1º, o projeto passou pela Escola Dr. Carlos Nelz – Caic, reunindo cerca de 280 alunos em duas apresentações. Nesta semana o projeto segue para as escolas Presidente Vargas (dia 3) e Maximiliano Hanh (dia 5). No dia 8 é a vez das instituições de ensino Vicente Casagrande e Nossa Senhora de Fátima. E para finalizar, no dia 11 a Senador Salgado Filho e a Mosés Bezzi receberão o projeto.

Uma festa do teatro lambe-lambe

O sábado, dia 30, foi uma verdadeira festa do teatro lambe-lambe no Centro de Cultura de Gramado. Essa foi outra ação do projeto Estórias Fantásticas – Teatro em Caixas reuniu 13 bonequeiros que mostraram a sua arte em espetáculos de 2 a 3 minutos para o público que chegava para conferir a ação. Ao longo do dia, a técnica lambe-lambe, que permite que o espectador assista ao conteúdo do teatro por meio de uma abertura em uma caixa, estava sendo comemorada no país pelos seus 29 anos.