Problema no fornecimento de asfalto paralisa obra temporariamente

0
892


A pausa no asfaltamento da Linha Ávila Baixa, de acordo com a Secretaria de Obras e Serviços Urbanos de Gramado, se de deve a falta de fornecimento de cimento asfáltico de petróleo (CAP) por parte da refinaria da Petrobras. A empresa, através de comunicado, informou que em função das condições desfavoráveis para amarração de navios, houve atraso no recebimento de petróleo para produção de asfalto. Assim que for restabelecido o fornecimento, a obra será retomada.

Com relação ao acesso a uma propriedade na localidade, segundo o secretário Flávio Souza, foi colocado mais de uma vez, mas devido ao local ser um declive acentuado, não é possível fazer o “travamento” do material sem a colocação do asfalto.