Presa quadrilha de Caxias que assaltou empresário de Canela

0
2053
Bandidos foram detidos em Caxias do Sul, cidade onde residiam. Polícia Civil/Divulgação


A Polícia Civil de Canela acredita ter posto fim a um ciclo de assaltos que vinham ocorrendo na cidade. Na segunda-feira, 12 de setembro, a corporação prendeu a quadrilha que durante um assalto aterrorizou a família do proprietário de um mercado no município.

Três homens e uma mulher foram presos durante uma operação da DP canelense em Caxias do Sul. Na ofensiva que contou com o apoio da Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas (Defrec) foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão.

O bando atacou o empresário, esposa e dois filhos menores de idade do casal na noite do dia 4 deste mês.  As vítimas foram rendidas quando chegavam em casa no Rancho Jane, próximo ao bairro Saiqui.

Pelos menos três bandidos portavam armas de fogo e todos agiram com os rostos encobertos por capuzes ou meias de náilon. Pai, mulher e filhos foram amarrados, amordaçados e trancados em uma peça da residência. Eles também foram agredidos com chutes, socos e coronhadas durante a investida criminosa.

Roubo de armas e dinheiro

Após os atos de violência, os ladrões fugiram com uma quantia em dinheiro (os valores não foram divulgados), armas e munições, pertences da família e uma camionete Hilux do empresário.

O veículo foi localizado próximo à praça de pedágio de São Francisco de Paula. Conforme o delegado Vladimir Medeiros, os bandidos tem antecedentes criminais de pouca gravidade. Medeiros acredita que a quadrilha contou com informações privilegiadas para executar o roubo.

Por isso, as investigações buscam identificar o elo da quadrilha em Canela.

Ataques a residências e comércio

Nos últimos dois meses, ocorreram seis assaltos contra residências e um contra estabelecimento comercial. Para a Polícia, os crimes foram cometidos por três grupos distintos.

O primeiro ataque foi registrado contra um mercado, sendo os autores presos. Este foi o único caso em que os assaltantes residiam em Canela, nos demais roubos os ladrões eram forasteiros.

Nos roubos a residências, os criminosos tinham base em São Francisco de Paula e Caxias do Sul. Todos os assaltos foram esclarecidos e os autores dos crimes estão encarcerados.