Prefeitos de Gramado e Canela se reúnem por vídeoconferência para alinhar estratégias de combate ao coronavírus

0
2856


O Prefeito Municipal de Gramado, Fedoca Bertolucci, se reuniu por videoconferência nesta manhã de sexta-feira, dia 03, com o Prefeito Municipal de Canela, Constantino Orsolin. O objetivo foi debater estratégias e traçar ações alinhadas entre os dois municípios, para que possam enfrentar a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) em conjunto.

Participaram da reunião o Secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômica, Anderson Boeira, a empresária Adriane Brocker e o médico oftalmologista Rodrigo Pazzeto. Na ocasião, Adriane comentou que ambos municípios são indutores do turismo no Brasil e até no mundo. “Cada cidade possui sua própria política, organização, economia, mas acima desses interesses vêm a saúde da nossa população, por isso precisamos andar juntos”, relata.

Para Fedoca, é importante que essas decisões sejam tomadas acompanhando os órgãos de saúde nacionais e internacionais. “Vamos fazer o que é melhor hoje, para que amanhã saibamos que fizemos que era indicado, não prejudicando à saúde da nossa comunidade”, afirma o Prefeito de Gramado.

O Prefeito canelense relata que o vírus deve ser levado a sério, preocupando-se com cada cidadão. “Não basta fechar o comércio e parques, é preciso levar a sério e conscientizar, explicar do porquê se deve ficar em casa, isolado”, comenta Constantino.

A reunião foi finalizada e acordado que três passos serão seguidos: educação sanitária, estratégia de testes/diagnóstico e medidas de retomada econômica. Os planos locais serão trabalhados em conjunto pelas Administrações Municipais, através das secretarias e assessorias.

Conforme Rodrigo Pazzetto é importante criar essas estratégias para que o isolamento não seja em vão e não esteja sendo apenas “empurrado para frente”. “É preciso recriar o pensamento coletivo. Quando o município se fecha para quarentena, para reverter esse quadro há diferentes tipos de comportamento. Para voltar é necessário medidas de segurança, reforçar a lavagem de mãos, a higienização correta dos ambientes, o uso de EPI’s, de como lidar com a comida, a importância de evitar aglomerações, entre outros”, relata.