Perícia aponta que idosos podem ter sido vítimas de latrocínio

5
1667
O crime ocorreu na Avenida 1º de maio, bairro Várzea Grande. Foto: Laura Silveira


Como você avalia a segurança na cidade de Gramado?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

A perícia realizada na casa onde morava o casal de idosos Julita e Mário Wolff (76 e 79 anos), no bairro Várzea Grande, indicou que possivelmente os dois aposentados foram vítimas de latrocínio (roubo seguido de morte), mas nenhuma outra hipótese para o crime está sendo descartada pela Polícia Civil, inclusive homicídio.

Os peritos estiveram na residência localizada na Avenida 1º de Maio e além de realizarem levantamentos científicos e fotográficos, também recolheram materiais que serão confrontados com eventuais suspeitos que possam surgir no decorrer das investigações.

Possíveis bens ou valores que possam ter sido roubados estão sendo relacionados por familiares do casal. Conforme o delegado Gustavo Barcellos, até o momento não há suspeitos que causaram as duas mortes. Há a possibilidade de que tanto Julita quanto Mário foram degolados, mas somente a necropsia que será feita pelo Posto Médico Legal (PML), de Taquara, confirmará a causa dos óbitos. “No visual parece que sim, aparentemente eles (vítimas) foram degolados, eles estavam com cortes profundos nos pescoços,” comenta Barcellos.

Preliminarmente, a Polícia acredita que os idosos foram assassinados na madrugada de quarta-feira, 22 de novembro, para quinta-feira, dia 23. “É um fato chocante, um duplo homicídio, pessoas vulneráveis, sem condições de enfrentarem um criminoso, isso demonstra covardia e frieza,” declarou Barcellos.

Covardia e frieza

Julita e Mário Wolff foram encontrados mortos dentro da casa onde moravam na Avenida 1º de Maio, por volta das 8 horas desta sexta-feira, 24 de novembro. O corpo dela estava no chão do quarto do casal, envolvido em um cobertor. Já Mário, estava de bruços em uma área coberta dentro da residência.

Uma vizinha estranhou a falta de movimento dos idosos e resolveu procurá-los. Ao espiar por uma janela visualizou um dos corpos e acionou a Brigada Militar. Familiares relataram à Polícia que o último contato que tiveram com as vítimas foi na quarta-feira, 22 de novembro.

Vizinhos e amigos de Julita e Mário relataram que eles eram pessoas de hábitos simples e residiam há bastante tempo no mesmo local. Imagens captadas por câmeras de vigilância eletrônica de casas e comércios próximos a moradia dos idosos estão sendo analisadas por investigadores. “A forma como as coisas ficaram reviradas indica que alguém estava procurando alguma coisa,” disse o delegado que chefia as investigações sobre o caso, Gustavo Barcellos.

5 COMENTÁRIOS

  1. You are so interesting! I do not think I’ve read a
    single thing like that before. So wonderful to discover someone
    with genuine thoughts on this topic. Seriously..
    many thanks for starting this up. This website is something that is needed on the web, someone with a
    little originality!

  2. Oh my goodness! Impressive article dude! Thank you so much, However I am experiencing troubles with
    your RSS. I don’t understand why I can’t subscribe to it.
    Is there anybody else having similar RSS problems?

    Anyone who knows the solution can you kindly respond?
    Thanks!!

  3. Hello there! This article couldn’t be written any better!
    Looking through this post reminds me of my previous roommate!
    He always kept preaching about this. I will forward this
    information to him. Fairly certain he’ll have a great
    read. I appreciate you for sharing!

  4. I got this web page from my friend who shared with me concerning this site and at the moment
    this time I am visiting this website and reading very informative content at this place.

Comments are closed.