OSG e Coral Bocalis emocionam o público na abertura do Festival de Cinema de Gramado

0
755
A abertura aconteceu na última sexta-feira, 16, na Rua Coberta. Foto: Prefeitura de Gramado.


Gramado já respira o 47º Festival de Cinema desde a última sexta. A abertura oficial do evento foi realizada na sexta, 16, com uma cerimônia na Rua Coberta, que contou com a apresentação da Orquestra Sinfônica de Gramado.

O prefeito Fedoca Bertolucci (PDT), o secretário adjunto e secretário de fomento e Incentivo à Cultura do Ministério da Cidadania, José Paulo Soares Martins, a secretária de Estado de Comunicação, Tânia Moreira (representando o governador Eduardo Leite), o deputado estadual Luis Augusto Lara, e o ex-governador José Ivo Sartori, estavam entre as autoridades presentes.

“Desejo boas vindas a todos e um salve à cultura nacional e ao Festival de Cinema de Gramado”, disse o prefeito.

O coordenador do Encontro Nacional da Legenda, Fabiano Lorensi Bertoluci, elogiou a iniciativa do festival em promover acessibilidade. “O Festival de Cinema de Gramado é o mais incluso do Brasil porque tem legenda, tem autodescrição e intérpretes. Por isso, as pessoas surdas se sentem capacitadas em participar deste evento”, destacou.

O presidente da Gramadotur Édson Néspolo saudou os visionários que criaram o festival há 47 anos, destacando que a cada edição o evento se fortalece.

A cerimônia continuou com a apresentação da Orquestra Sinfônica de Gramado, que junto com Coral Bocalis e do vocalista Rafael Gubert, apresentaram um rico repertório baseado em clássicos do cinema. 

FILME DE ABERTURA 
Após a abertura do festival, os convidados seguiram para o Palácio dos Festivais, onde foi exibido o filme de abertura “Bacurau” de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, com autodescrição e legenda closed caption. O longa narra a história de um pequeno povoado do sertão brasileiro que dá adeus a Dona Carmelita, uma mulher forte e querida que morreu aos 94 anos. Dias depois, os moradores de Bacurau percebem que a comunidade não consta mais nos mapas.
  
PROGRAMAÇÃO

Durante o final de semana a programação do Festival de Cinema continuou com uma programação variada. No sábado, 17, o destaque foi para a entrega do troféu Eduardo Abelin. A homenageada foi a diretora, produtora e roteirista Carla Camurati.

No domingo, 18,  foi realizada e a entrega do tradicional Prêmio Assembleia Legislativa de Cinema para a Mostra Gaúcha de Curtas. A animação “Só sei que foi assim”, dirigido por Giovanna Muzel, foi o grande vencedor da noite e recebeu o Prêmio Assembleia Legislativa de Cinema como Melhor Filme e, também, foi considerado o Melhor Filme pelo Júri da Crítica. 

Na mesma noite, outras 12 categorias foram premiadas . O prefeito Fedoca Bertolucci prestigiou a cerimônia e entregou o troféu para a categoria de Melhor direção – Boca Migotto, pelo filme “Dia de Mudança”.