“Nossa grande preocupação é não deixar que se perca a história”, diz Ike Koetz

0
1788
O Festival será na Socidedade Recreio Gramadense. Foto: Arquivo/Recreio Gramadense.


No último domingo, dia 15 de abril, a Sociedade Recreio Gramadense completou 103 anos de história. Na manhã desta terça-feira (17), o presidente Luis Henrique Koetz relatou no Programa Gramado News que a Recreio já passou por 48 gestões e que todas trouxeram transformações. “A gente brinca Recreio já era Recreio antes de Gramado ser Gramado. Gramado completou 63 anos e a Recreio 103”, lembra.

Conhecido também por Ike Koetz, o presidente Luis Henrique foi eleito em 2016. Segundo ele, uma das missões da sua gestão era abrir as portas da Sociedade para a comunidade. “Fomos eleitos com a esperança de renovação. Esse foi o intuito que as pessoas acreditaram em nós. Nosso primeiro ponto foi trabalhar perto do gramadense”.

O presidente Ike Koetz está desde 2016 à frente da diretoria da Sociedade Recreio Gramadense. Foto: Arquivo/Recreio Gramadense.

Estrutura

De acordo com Ike, a Recreio hoje tem 2 mil metros quadrados. Comporta um salão para 755 pessoas. Também há palco, mezanino, salão anexo. “Temos um salão nos fundos para confraternizações menores que comporta 80 pessoas”, conta.

O presidente comenta que haverá uma reunião com conselho deliberativo e uma das pautas é como trabalhar com os sócios. “Estamos fechando parceria com academias”.

Eventos

Em primeira mão ele revela que a Sociedade está organizando uma Festa Revival anos 70, 80, 90 para junho deste ano.

Lembra que para peça “Além da Vida”, que acontece neste sábado, às 20h, associados tem 50% de desconto no ingresso. ” O grande papel da Recreio Gramadense é fomentar a cultura. Precisamos colocar cultura na nossa cidade”.