Mascotes utilizam máscara e andam de Bustour neste sábado

0
799


Apesar das temperaturas baixas deste sábado, dia 27, 10 mascotes de diversas empresas de Gramado e Canela se reuniram em prol de um bem maior: atuar em campanha de conscientização de uso de máscaras e respeito ao distanciamento necessário, medidas que auxiliam a evitar a disseminação de coronavírus (Covid-19) no município. A ação é uma iniciativa das Secretarias Municipais de Turismo e de Trânsito, tanto de Gramado, quanto de Canela, com o Bustour, ônibus que opera a linha oficial turística intermunicipal. O passeio foi exclusivo para os mascotes e deve ocorrer novamente neste domingo, dia 28, às 15h.

“Nós todos somos o Turismo dessa região. O público e o privado. Não somos apenas entes públicos ou setores econômicos. Somos pessoas que formam um enorme grupo de trabalho, que precisa da cooperação de todos para poder continuar fazendo o bem e dando alegria a tanta gente. Marcas unidas que representam cidades, pessoas, equipes, comunidades. Ao expor nossos mascotes de máscara, queremos deixar clara a condição de se fazer turismo aqui. Estar dentro da lei. Ser corresponsável. O mascote personifica uma mensagem amorosa que nos move.”, afirma o secretário municipal de Turismo de Gramado, Rafael Carniel de Almeida. 

Durante a ação, o Bustour com os personagens embarcados e mascarados, percorreram as ruas principais de ambas as cidades, lembrando e apontando para o uso do equipamento de proteção. Junto do ônibus, carros de som acompanharam com uma mensagem informativa, para que todos façam como os mascotes e utilizem máscaras.

A escolha de levar os personagens para andar no Bustour tem como objetivo trazer uma mensagem séria de forma lúdica, visando lembrar a todos qual é a condição para se fazer turismo em tempos de pandemia. “Os mascotes levaram nossa mensagem aos visitantes, sobretudo às famílias, de uma forma bonita, alegre. Eles se comunicam diretamente com as crianças, que geralmente captam rapidamente valores e os cobram de seus pais e demais adultos, provocando uma conscientização de forma transversal, pela necessidade de serem exemplos”, ressalta Rafael de Almeida. 

Para as empresas que participaram com seus mascotes, o pré-requisito solicitado foi que providenciassem uma máscara para uso do personagem. Caso a iniciativa seja prolongada, serão abertas inscrições para os mascotes.