Lugano visa chegar a 100 franquias até o final de 2018

2
1639
A linha de chocolates Lugano conta com mais de 300 itens. Foto: Divulgação/Lugano.


Há 41 anos fabricando chocolate artesanal em Gramado (RS), a Lugano está iniciando o processo de franquias de lojas no Brasil com o objetivo de chegar a 100 unidades até o final do ano. Para isto, foi aberta uma empresa exclusiva para cuidar da franqueadora e trouxe como sócio um profissional especializado no segmento, Anderson Suriz, que desenhou um modelo diferenciado, que mescla a operação de uma chocolateria com a de uma cafeteria.

O alvo da Lugano são cidades com mais de 30 mil habitantes e pólos turísticos. Nas metrópoles brasileiras, o objetivo é ter uma loja para cada 200 mil habitantes. Hoje, a marca possui 20 lojas licenciadas em oito Estados e no Distrito Federal, além de seis lojas próprias em Gramado.

As primeiras duas lojas que serão abertas através do sistema de franquias estarão em Santa Catarina. Em março, a empresa prevê a abertura de unidades em Balneário Camboriú e Fraiburgo. Além dos tradicionais chocolates artesanais, as duas unidades comercializarão salgados, café e sorvetes com a marca Lugano.

Sobre o Chocolate Lugano:

Fundado no ano de 1976 em Gramado, o Chocolate Caseiro Lugano tem seu nome inspirado na cidade suíça de mesmo nome, localizada na fronteira com a Itália. Sua linha de produtos conta com mais de 300 itens, entre diversos tipos de barras, bombons, trufas, drágeas, ovos de Páscoa, chocolates personalizados, além de uma linha saudável, com chocolates 70% cacau, diet, light e sem lactose. A filosofia corporativa da Lugano busca oferecer o melhor chocolate artesanal do Brasil, sinônimo de excelência em sua qualidade com paladar incomparável. Aliando a tradição do chocolate caseiro de Gramado com a pureza do cacau, a Lugano expressa um delicioso e autêntico sabor.

2 COMENTÁRIOS

Comments are closed.