Idas e Vindas

3
1584
Marcelo Duani é cantor e compositor brasileiro. Foto: Arquivo Pessoal.


Gramado uma cidadela de cores expressivas. De 4 estações no mesmo dia e aclamada Brasil a fora pela sua bela arquitetura, sua diversidade gastronômica e relevo situante, suas belas florestas. Muitas pessoas, artistas famosos, pessoas simples do campo, empresários, anfitriões, se misturam neste contexto e muitas pérolas surgem aos nossos olhos em momentos somando todo este presente. Assim conheci um cantor e compositor que além de seu talento nato, valoriza a boa música brasileira com teor de qualidade e fundamento.

Marcelo Duani. Gaúcho, se tornou global com sua arte, desenvolvendo sua carreira no berço do samba, Rio de Janeiro e seguindo para o mundo afora…

“Minha carreira se deu, devido à descoberta do Candomblé, onde frequentava ainda criança acompanhando minha mãe nos cultos. Ficava deslumbrado e hipnotizado com os toques dos atabaques e as canções cantadas em coro. Chegava em casa e tentava reproduzir o som. Tempos mais tarde, meu irmão mais velho, iniciou ao violão. Sempre quis ser baterista na infância, mas na ausência de dinheiro para comprar uma bateria, acabei comprando meu primeiro violão, e de certa forma seguindo os passos do meu irmão. A diferença, é que desde que iniciei o estudo do instrumento, ficou evidente minha forma de tocar, como se estivesse tocando algo percussivo mesmo. Na forma da batida, acentuação, divisão melódica. Daí, minha forma de tocar o violão, passou a ser destacada como ” diferente”. Suingue pessoal”, conta Marcelo Duani.

Cantor e compositor brasileiro. Lançou em 2014 o disco “Filho de Xangô – Samba Exportação”, com turnê na Europa. Concertos em Paris e Londres, dentre eles no aclamado clube de Jazz Ronnie Scotts. Participações de Gabriel Moura (parceiro do Seu Jorge), Paulo Calasans (pianista do Djavan), George Israel (kid Abelha), Lendo Rizzo (rapper de Guiné Bissau), Luís Vágner o guitarreiro, Márcio Local, Léo Fernandes (tecladista de nomes como Fagner e Seu Jorge) e Muito Chebabi (parceiro do Lenine). Marcelo ainda assina composições com Marco Mattoli (Clube do Balanço).

Uma nova versão do disco saiu no ano posterior para o mercado americano, pela gravadora norte americana AFROBAILE. Em 2018 iniciou as gravações do novo disco com prévia de novo singles para primeiro semestre de 2019. Suingue, letras e harmonias sofisticadas marcam o trabalho de Marcelo Duani. Confira o disco completo de Marcelo Duani no Link
https://open.spotify.com/album/3RJgzeA8JLMmjVxQ4s8KFr.

3 COMENTÁRIOS

  1. Thanks for your personal marvelous posting! I truly enjoyed reading it, you will be a great author.I will be sure
    to bookmark your blog and definitely will come back sometime soon. I want to encourage you continue your great posts,
    have a nice weekend!

  2. I’m curious to find out what blog platform you have been utilizing?

    I’m experiencing some minor security issues
    with my latest site and I’d like to find something more risk-free.

    Do you have any solutions?

Comments are closed.