Homem que invadiu residência e tentou matar desafeto a tiros está preso

0
2398
eferson dos Santos Moreira, 37 anos, tem antecedentes criminais por homicídio cometido em Santa Catarina. Créditos: Divulgação


O homem que tentou matar a tiros um desafeto seu no dia 30 de setembro deste ano, no bairro Altos da Viação Férrea, em Gramado, foi preso 19 dias depois de cometer o ataque. No final da manhã de quinta-feira, 19 de outubro, agentes da DP do município localizaram e deram voz de prisão a Jeferson dos Santos Moreira, 37 anos, por tentativa de homicídio.

O acusado foi detido em Canela, na serralheria onde trabalhava. Conforme as investigações, no dia dos fatos, durante a madrugada para ter acesso ao interior da casa da vítima, Moreira arrombou a porta e invadiu a moradia com uma arma em punho.

Ele abriu fogo contra a vítima, efetuando diversos disparos. Um dos tiros pegou de raspão na cabeça da vítima, houve luta corporal, mas mesmo baleado o homem que foi alvo da tentativa de homicídio conseguiu fugir. Na residência ainda estavam a companheira e a filha adolescente da vítima.

Crime pode ter relação com drogas

No local, os investigadores recolheram um projétil de arma de fogo, o qual será encaminhado à perícia. O responsável pelo atentado foi identificado pela Polícia Civil na data do crime. “Após colher os relatos da vítima de testemunhas, representou-se pela prisão preventiva do suspeito, medida decretada pela Justiça,” comenta o delegado de Gramado, Gustavo Barcellos. “A motivação é um desentendimento anterior, mas não se descarta que tenha relação com drogas,” acrescenta o delegado.

Barcellos destaca que o empenho dos policiais que trabalharam inclusive em horário de folga para esclarecer o crime, cuja as circunstâncias são bastante graves.

Acusado já cometeu homicídio

Moreira é natural de Lages em Santa Catarina e tem passagem pelo sistema prisional e também pela Polícia por homicídio praticado no seu estado de origem. O acusado foi recolhido ao sistema prisional.