Gramado:ações conjuntas da Prefeitura, MP Estadual e Ministério do Trabalho para conter propagação da Covid-19

0
2451


Os registros recentes de casos positivos de coronavírus em uma obra da construção civil em Gramado foi um dos motivos de reunião na manhã desta segunda-feira, dia 18, na prefeitura. O prefeito Fedoca Bertolucci, os integrantes do Gabinete de Crise e os representantes das Vigilâncias em Saúde e Sanitária, se reuniram com Vanius Corte, gerente do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), com o promotor de Justiça Estadual, Max Guazelli, e com o delegado de Polícia, Gustavo Barcellos.

O gerente do MTE, o promotor e o delegado se colocaram à disposição do Município para obterem todas as informações relacionadas à situação dos empregados da empresa proprietária da obra embargada na sexta-feira, dia 15, pela Vigilância Sanitária. As informações que a empresa proprietária da obra deve fornecer com urgência incluem a relação dos seus colaboradores terceirizados, locais onde residem os trabalhadores envolvidos no canteiro de obras, além dos resultados dos testes para a Covid-19 realizados em seus empregados.

A Vigilância Sanitária informou que desde 13 de abril tem questionado a empresa sobre seus trabalhadores, incluindo locais onde residem (inclusive alojamentos). O registro de casos positivos para coronavírus na obra situada em Gramado e a falta de atendimento das solicitações feitas pela Vigilância, motivou o embargo da obra na manhã de sexta. Vanius informou que neste mesmo dia a empresa foi notificada para que respondesse imediatamente todos os questionamentos. O prazo encerra no final da tarde desta segunda-feira, dia 18.

O delegado Gustavo Barcellos colocou a Delegacia de Polícia de Gramado à disposição para eventuais ações que possam contribuir com a Prefeitura e o Ministério Público. Já o promotor Max Guazzelli considerou importante o trabalho colaborativo, frisando que eventuais crimes devem ser investigados e responsabilizados. “A princípio, pode ser tipificado crime de infração à determinação do poder público para evitar a propagação de doença contagiosa”, citou o promotor.

O prefeito Fedoca Bertolucci sublinhou que a preocupação de todos é com a preservação da saúde dos trabalhadores e da comunidade. “Estamos unindo todas as forças para que a segurança em saúde seja alcançada”, afirmou.