Gramado: Sábado é dia de vacinar contra o sarampo

0
492

Na segunda-feira passada, dia 10, iniciou a Campanha de Vacinação contra o Sarampo em Gramado. A ação vai até o dia 13 de março, mas este sábado, dia 15, das 8h às 17h, três postos estarão abertos para a imunização: UBS Centro, UBS Caic e ESF Várzea.

O público-alvo são pessoas entre cinco a 19 anos, que poderão ser vacinadas nas Unidades Básicas de Saúde do município:

POSTOS E HORÁRIOS

Confira os locais e horários de vacinação de segunda a sexta-feira:

UBS Centro

7h30 às 12h e 13h às 17h30

Rua Ernesto Volk, 300

Telefone: (54) 3295-7100

UBS Caic

8h às 11h e 14h às 17h

Rua Josias Martinho, 197, Bairro Moura

Telefone: (54) 3286-6388

ESF Pórtico

8h às 11h e 14h às 16h30

Rua Ledovino Pante, 225, Bairro Pórtico

Telefone: (54) 3286-0849

ESF Várzea

7h30 às 12h e 13h às 18h;

Rua Leopoldo Tissot, Vila Olímpica, Várzea Grande;

Telefone: (54) 3286-8479

Aumento de casos justifica a campanha

O aumento expressivo de casos de sarampo em todo território nacional reforçam a importância da campanha de vacinação. O último boletim do Ministério da Saúde aponta que em 2019 foram notificados 57.619 casos suspeitos de sarampo no Brasil. Deste total, foram confirmados 13.489 (23,4%) e 18.530 (32,2%) ainda estão em investigação. No Rio Grande do Sul, até dia 23 de janeiro foram notificados 618 casos suspeitos e 82 foram confirmados. Em Gramado foram notificados nove casos suspeitos, sendo 8 de moradores de Gramado, mas nenhum foi confirmado, informa Andreia Burille, enfermeira da Vigilância em Saúde de Gramado.

Como ocorre a transmissão do sarampo?

Andreia – A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de gotículas liberadas ao tossir, espirrar, falar.

Quais os sintomas?

Andreia – Nos primeiros dias os sintomas se assemelham a um resfriado. A pessoa apresenta febre, tosse, coriza, irritação nos olhos e mal estar geral. Entre o terceiro e o quinto dia aparecem manchas vermelhas no rosto e atrás das orelhas, que depois vão se espalhando pelo corpo. Então, mesmo antes de apresentar os sintomas a pessoa pode estar transmitindo o vírus. Devemos ficar alertas se a febre persistir no aparecimento das manchas. É importante lembrar que o sarampo é uma doença grave que pode deixar sequelas e até mesmo levar à morte.

Quais medidas podem ser utilizadas para prevenir?

Andreia – Considerando a forma de transmissão, medidas de higiene são fundamentais, tais como lavar as mãos frequentemente, cobrir a boca e o nariz ao tossir e espirrar, usar lenços descartáveis e principalmente vacinar-se. É considerada imunizada a pessoa com duas doses até 29 anos e com uma dose se tiver entre 30 e 49 anos. Vale lembrar que em decorrência do aumento de casos, as crianças entre seis e 11 meses recebem uma dose de intensificação, e duas, como parte do calendário vacinal padrão, uma com um ano e outra com um ano e três meses.

Qual é o tratamento indicado para o Sarampo?

Andreia – Não há um tratamento específico para o sarampo e a melhor medida de prevenção é a vacinação. Então, fica o alerta para população comparecer em nossas salas de vacinas e colocar em dia sua carteirinha