Gramado continua livre do mosquito da dengue

0
1195
Os agentes de endemias realizam ações de controle e prevenção durante o ano todo. Foto: Prefeitura de Gramado.


As ações preventivas protagonizadas pela Prefeitura, Secretaria da Saúde e Vigilância em Saúde tem garantido que Gramado continue livre de focos do mosquito Aedes aegypti, que transmite doenças como Dengue, Zika e Chikungunya. Durante o terceiro ciclo do Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti – LIRAa, os agentes de endemias e agentes comunitários de saúde visitaram 569 imóveis do município. No total, 1.480 residências já receberam a visita dos agentes neste ano. Até o final do ano, a estimativa é que 2 mil imóveis sejam vistoriados.

Os agentes de endemias realizam ações de controle e prevenção durante o ano todo, o que inclui o monitoramento de armadilhas e pontos estratégicos. As armadilhas são pneus cortados ao meio, preenchidos com água limpa e que servem para o ciclo de reprodução de algumas espécies de mosquitos. São 59 armadilhas instaladas em 11 bairros, vistoriadas semanalmente para verificar se há a presença de larvas e identificar as espécies que circulam no ambiente. Estas armadilhas receberam ainda um dispositivo eletrônico que interligará via sistema de informação os dados de monitoramento registrados.

Os pontos estratégicos são estabelecimentos comerciais que pelas atividades exercidas podem levar ao acúmulo de água em suas dependências e que favorecem a proliferação de mosquitos, como as lavagens de carros, floriculturas, mecânicas com depósitos de pneus, cemitérios, visitados quinzenalmente pelos agentes de endemias.

“Contamos com uma equipe capacitada na execução de ações de controle e de prevenção que mantém nosso município livre da presença do mosquito Aedes aegypti, mas a população também tem um papel fundamental na prevenção das doenças em nosso território. É importante que cada morador cuide da sua casa e seu pátio, mantendo-os sempre limpos para evitar o aparecimento de insetos e pragas que podem causar doenças e agravos à saúde pública”, alerta o Secretário da Saúde, João Teixeira.

Índice de infestação zero
A Secretaria da Saúde, através dos Departamentos de Atenção Básica e Vigilância em Saúde, visita os domicílios à procura de depósitos com água parada que possam conter larvas de mosquitos, realizando coletas das encontradas nos locais para identificação das espécies e orientando a população em relação aos cuidados para evitar a proliferação. Em nenhum imóvel de Gramado foram encontradas larvas da dengue. O índice de infestação do município por Aedes aegypti segue em zero, o que mantém Gramado como não infestado.

O que é o LIRAa?

O Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti – LIRAa é um programa do Ministério da Saúde, que consiste em ciclos programados de vistoria em imóveis nos municípios. Em municípios não infestados pelo mosquito, como Gramado, o MS determinou quatro ciclos de visitas, onde são visitados 20% de imóveis do plano amostral (1 em cada 5 imóveis da amostra). Em municípios infestados, realiza-se a visita em 100% dos imóveis.