Fim da caçada: Polícia de Canela prende assaltante que estava foragido

0
20706

Após sete dias de perseguição, a Polícia Civil de Canela, com o apoio de agentes de Taquara, pôs fim na madrugada deste sábado, 9 de novembro, a caçada ao criminoso que cometeu graves crimes em Gramado.

Dejair Filipiak de Souza, vulgo Deja, foi capturado em uma residência na cidade de Taquara. O bandido estava escondido em um quarto atrás da porta e reagiu a prisão, mas foi contido pelos policiais. Com ele, foram encontradas uma pistola calibre 9 mm, dois coletes balísticos, 118 munições e cinco carregadores de pistola 9 mm.

A casa onde o assaltante estava pertence a Francisco Alexandro, o Nonho, um dos oito individuos que foram detidos anteriormente, por conta da tentativa de roubo e de sequestro de um empresário, praticado na sexta-feira passada, 1 de novembro, no interior de Gramado.

Para chegar até Taquara, Deja fez uma família que reside nas imediações do Caracol, em Canela, refém. Ele surpreendeu um casal quando chegava em casa. Deja estava armado, usava touca ninja, luvas e colete a prova de balas quando fez a abordagem.

Juntamente com o filho menor de idade, o casal foi obrigado por Deja a levá-lo no carro da família até a ERS 020, onde, o bandido desembarcou do veículo e fugiu a pé pela rodovia. Deja é irmão de Roberto Filipiak de Souza , o Beto, que também executou crimes em Gramado. Beto foi a óbito na segunda-feira, dia 5, após passar por cirurgia no Hospital Arcanjo São Miguel. Ele tinha sido baleado durante confronto com policiais quando tentava escapar do cerco policial montado para capturá-lo após as investidas criminosas que praticou em Gramado.

Dejair Filipiak de Souza – Foto: Polícia Civil