Festival de Cultura e Gastronomia registrou aumento de 20% do público

0
1576
O primeiro final de semana do evento registrou um aumento de 20% a mais do que o público registrado no ano passado. Foto: Cleiton Thiele.


O primeiro final de semana do 9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado foi marcado pela integração das culturas Brasil e Argentina e um público que superou a marca de 2016 com aumento de 20%, o que representou nas vendas um acréscimo três vezes maior do que a última edição. O evento segue até o dia 15 de outubro, das 11h30min às 22h, em três pontos centrais da cidade: Rua Coberta, Praça Major Nicoletti e Rua Pedro Benetti.

Festins

Os Festins – jantares harmonizados com vinhos e assinados pelos chefs Sebastian Weigandt (Bodega Renacer/ Mendoza), no Bistrot Pastasciutta e Patricia Roggerone (Bodega Norton/Mendoza), no Malbec Restaurante – tiveram ingressos esgotados e demonstraram a integração das técnicas e ingredientes das duas culturas tema do evento. Os pratos unificaram os sabores de Brasil e Argentina e em alguns reeditaram receitas tradicionais dos dois países.

Atrações musicais

Mais de 25 atrações culturais e musicais se apresentaram nos dois palcos do evento: Rua Coberta e Pedro Benetti – no cardápio musical estavam: Ale Ravanello, O Som do Vento, Laerte Hugentobler, Bow Tie, banda Irish Fellas, entre outras – mostrando o melhor de Brasil e Argentina nos palcos.

Parceira com Senac e UCS

A Cozinha experimental, realizado em parceria com o SENAC Gramado e UCS da Região das Hortênsias ofereceu diversas oficinas gratuitas – incluindo as dos chefs convidados: Sebastián Weigandt, Patricia Roggerone e Pablo Del Rio. Com turmas lotadas o público pode conferir receitas que foram desde alfajores, carnes, destilados e azeites.

Final do Ensina-me a Ser Chefe

A emoção também marcou o primeiro final de semana, o Projeto Ensina-me a Ser Chef revelou a escola vencedora de 2017 – EMEF Maximiliano Hahn, com o prato Raviolli de gema com espuma de beterraba.

Centro Integrado de Cultura

O evento conta ainda com o Centro Integrado de Cultura, junto ao Coreto, na Praça Major Nicoletti. O espaço cultural está aberto para receber turistas e visitantes com  degustação de Chimarrão – uma bebida que integra culturalmente os dois países – Brasil e Argentina. O público pode apreciar uma pequena exposição de objetos museolizados que contam a história dos usos e costumes ligados a tradicional bebida dos gaúchos, o símbolo maior da hospitalidade gaúcha. O espaço tem assinatura da Matería Capitão Rodrigo.

No espaço estará disponível água quente e erva.  O Coreto estará aberto até 15 de outubro, das 11h30min às 22h.  Por ali também é possível acompanhar o processo de fabricação de facas com a Facas SG.

Programação Cozinha experimental

11/10 Quarta-feira

13h30 – 14h30    Oficina Senac – Bolo São Nicolau
15h00 – 16h00    Oficina Senac – Carreteiro missioneiro
16h30 – 17h30    Oficina de Drinks – Gustavo Wiesel – Restaurante Toro
18h00 – 19h00    Oficina Senac – Bolinho de mandioca

12/10 Quinta-feira

13h30 – 14h30    Oficina Senac – Empanada
15h00 – 16h00    Oficina Senac – Medialuna com dulce de leche
16h30 – 17h30    Oficina Senac – Mini Hambúrguer Feliz (Dia das Crianças)
18h00 – 19h00    Degustação de vinhos da vinícola Zorzal (Juan Pablo Michelini)

13/10 Sexta-feira

09h00 – 12h00      A nova identidade dos vinhos latino americanos (enólogos Argentinos)
13h30 – 14h30     Oficina Orquídea: Resgatando as Verdadeiras Massas Italianas – Receitas Carbonara / Alla Amatriciana. Chef Gabriel Lourenço – Escola de Gastronomia Sal a Gosto.
15h00 – 16h00     Oficina Senac – Pão de queijo recheado
16h30 – 17h30     Degustação de vinhos da vinícola Superuco (Matías Michelini)
18h00 – 19h00     Chef convidado Santiago Maestre – Mendoza
19h30 – 20h30     Boscato Vinhos Finos – Vinho Brasileiro