Feira do Livro online de Nova Petrópolis alcança público de 70 mil pessoas

0
511
Uili Oz - Autores de Nova Petrópolis e de diversas cidade do Brasil enviaram vídeos para a atividade “Palavra do Autor”. Foto: Marcelo Moura.


A primeira edição online da Feira do Livro de Nova Petrópolis, realizada de 13 a 18 de outubro na página da Prefeitura de Nova Petrópolis no facebook, teve um alcance estimado de 70 mil pessoas. A programação do evento, realizado pela Prefeitura de Nova Petrópolis, contou com mais de 50 publicações, entre vídeos com mensagens de 32 autores de diversas cidades do Brasil, contações de histórias e apresentações musicais de artistas de Nova Petrópolis. Lives de narrativas literárias interativas e a participação ao vivo do escritor gaúcho Athos Beuren, também foram atrações da programação do evento, que contou ainda com a publicação de um livro digital contendo 15 projetos de leitura desenvolvidos por professores nas escolas de Nova Petrópolis.

Na “Palavra do Autor”, o público do evento teve a oportunidade de conferir 32 vídeos enviados por escritores de Nova Petrópolis dos Estados de São Paulo e Rio de Janeiro e de diversas cidades do Rio Grande do Sul. Os autores relataram experiências no universo da literatura, indicaram livros e contaram algumas histórias curiosas, além de destacarem suas participações no projeto “Encontro com o Autor”, promovido pela Secretaria de Educação, Cultura e Desporto de Nova Petrópolis.

A equipe da Biblioteca Pública Municipal Profª Elsa Hofstätter da Silva gravou vídeos com contações das histórias “Quero um abraço, o que é que eu faço?”, “Super Protetores”, “As Marias” e “Nicolau tinha uma ideia…”. A história “Três lobinhos e o porco mau”, contada por Daniel Stein, da Biblioteca Móvel Abelhuda, do programa “A União faz a Vida”, do Sicredi, também integrou a programação do evento. A lenda do Boitatá, contada por Gaudêncio Terra, encerrou as contações de histórias da Feira do Livro online de Nova Petrópolis.

A “Hora da Música” contou com a participação de nove músicos de Nova Petrópolis. Os artistas do Acústico Dama, Acústico Folk, Fábia Ito, Gerson Müller, Selestino Oliveira, Valdir e Luana Maia, Grupo Alma Serrana e Orquestra Juvenil de Nova Petrópolis enviaram vídeos tocando canções dos mais variados estilos.

Na sexta-feira, 16 de outubro, foi publicado o livro digital “Projetos de Leitura”, que reúne 15 projetos de incentivo à leitura desenvolvidos por professores nas Escolas de Nova Petrópolis. A obra, produzida e organizada pelas equipes da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto e da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Nova Petrópolis, conta com textos e fotos das atividades escolares e está disponível para leitura online e download gratuitos no link https://bit.ly/2HgqI6H

As noites da Feira do Livro online de Nova Petrópolis foram marcadas pelas lives da atividade “Aventura Pronta”. Ao todo, seis lives foram transmitidas na página da Prefeitura de Nova Petrópolis no facebook, nas quais estudantes, pais e professores participaram de narrativas literárias interativas baseadas em livros-jogo, estilo de escrita que une literatura e RPG (Role Playing Game) no qual o leitor define os rumos da história a partir de escolhas. A atividade também foi realizada por vídeo chamada ao longo da Feira do Livro, totalizando 12 participantes.

O escritor Athos Beuren, de Novo Hamburgo, foi o convidado da “Live Literária” da Feira do Livro, transmitida no sábado, 17 de outubro, às 17h. O autor, de 34 anos, abordou os livros-jogo, estilo de escrita que permeia sua obra, que conta com 12 livros publicados. Athos também relatou sua experiência como autor, deu dicas para jovens autores e indicou a leitura de diversos livros dos mais diferentes gêneros literários.

Para a secretária de Educação, Cultura e Desporto de Nova Petrópolis, Cristiane Kieling, a edição online da Feira do Livro de Nova Petrópolis proporcionou uma programação cultural diferenciada para todos os públicos. “A primeira edição online da Feira do Livro foi um grande trabalho coletivo que envolveu autores, artistas e colaboradores. O resultado foi um evento diferenciado, com ricas atividades de incentivo à leitura nesse tempos de pandemia”.