Feira do Livro: Oficinas contemplaram todas as idades

0
1356
Grupo de Convivência do CRAS participa de oficina na Rua Coberta. Foto: Laura Silveira.


Durante nove dias consecutivos a Feira do Livro de Gramado divertiu pessoas de todas as idades. Foram mais de 80 atrações, onde os visitantes puderam conferir cultura, arte e música em um só lugar. Do dia 15 à 24 de junho a Rua Coberta recebeu mais de 50 mil pessoas de todos os lugares, que além de prestigiar a variada programação, puderam ver exemplares de livros nos estandes das livrarias participantes.

As catarinenses Salete Bortolotto, Adriana Borges Vitali e sua filha Ana Vitali vieram de Nova Veneza para Gramado para visitar a cidade e contam que estão adorando a Feira do Livro. “Há muita diversidade de livros, minha filha adora ler, estamos gostando muito da Feira”, relata Adriana.

Salete Bortolotto, Adriana Borges Vitali e sua filha Ana Vitali são catarinenses e vieram passar o dia em Gramado. Foto: Laura Silveira.

Grupo da Melhor Idade do CRAs participa das oficinas

Na segunda-feira (18), ocorreu na sala de oficinas da Rua Coberta, a oficina de arte “Criando Capas, Integrando Mundos”. O curso reuniu seis idosos do Grupo de Convivência  e fortalecimento de vínculos do CRAS de Gramado.

A artista plástica e arte-terapeuta Luciana Muratório comenta que as oficinas consistem em uma mudança de linguagem, em uma flexibilidade no olhar. “Eu leio um texto e a partir da leitura deste texto vamos visualizando uma capa e o título para esta história”.

O grupo de idosos do CRAS é coordenado pela arte-terapeuta Raquel Tomazini e a terapeuta-ocupacional Lizandra Domingues. “É a primeira vez que este grupo participa deste tipo de trabalho. É lindo, um momento de criação, um lugar onde eles podem aproveitar os livros e as atividades”, destaca Raquel.

Maria Nelsi dos Santos, integrante do Grupo de Convivência, comenta que está achando a  oficina maravilhosa. “É muito bom, um passatempo para a gente”.

Maria Nelsi faz parte do grupo de convivência e fortalecimento de vínculos do CRAS. Foto: Laura Silveira. 

A coordenadora da Feira do Livro, Margarete Anschau, está há dois anos coordenando a Feira. Ela conta que já é o segundo ano que há oficinas direcionadas para o pessoal do CRAS e terceira idade.”Achamos muito importante envolver este tipo de público, porque são pessoas que gostam de ler e participam das atividades. As vezes elas acabam sendo esquecidas, mas são pessoas que tem tempo”.

Para Margarete é muito importante essa socialização, pois ajuda esse público a se tornarem menos depressivos.

A 22° Feira do Livro de Gramado terminou neste domingo, 24 de junho.