Feijoada do Bem será realizada dia 22 de setembro

0
1432
Jovens voluntários que trabalham na Feijoada foram conhecer o Projeto Águia, que será um dos beneficiados com o resultado do evento. Foto: Tela Tomazeli/Divulgação.


Gramado abre seu coração para acolher novamente uma ação que tem grande valor benemerente: a Feijoada do Bem. Chegando a sua 4ª edição, o evento deste ano será realizado no dia 22 de setembro, sábado, a partir das 12 horas, no espaço Casa Bertti (na Villa Sergio Bertti), em Gramado.

A exemplo das três primeiras edições, a Feijoada do Bem acontece através do trabalho voluntário envolvendo adultos e adolescentes na divulgação, organização e realização de todo o evento. Neste ano duas entidades serão beneficiadas: o Projeto Águia, coordenado pelo Janz Team Gramado/Teach Beyond (visitado no dia 25/08) e o Centro de Reabilitação Emanuel Região das Hortênsias (CRERH) que será visitando neste sábado, dia 1º/09 (haverá um ônibus para transporte gratuito em frente ao Colégio Santos Dumont, com saída às 10h15).

Apoio da comunidade

A Feijoada do Bem é fruto de uma iniciativa que surgiu em 2015 e desde então vem envolvendo cada vez mais a comunidade, que é quem faz o evento se tornar possível, seja trabalhando como voluntário, comprando o convite, doando insumos, produtos ou serviços para a realização do almoço. A cada ano, cerca de 70 pessoas respondem de forma positiva ao chamado para ajudar das mais diversas formas. É algo que vai além de arrecadar dinheiro, desperta em cada um o senso de contribuir na construção de um lugar melhor para se viver.

Participação dos jovens

A participação de um grupo de 29 jovens voluntários também e é um dos diferenciais do evento.  “Esta é uma forma de fazer com que eles compreendam a importância de continuar as ações praticadas por seus avós e pais, que sempre atuaram na comunidade com um olhar além do poder público”, destaca Tela Tomazeli, uma das integrantes da comissão organizadora que está contribuindo com suas ideias e seu trabalho desde a primeira edição. Além de participarem da venda dos convites da feijoada, os jovens trabalham no dia do almoço, auxiliando na cozinha e na recepção ao público. Além disso, antes do evento, visitam as entidades beneficiadas, procurando compreender o contexto que cerca as pessoas que serão favorecidas com esta ação.

Entidades já beneficiadas

Na primeira edição a Comunidade Terapêutica Fazenda Vale a Pena Viver foi a contemplada. Na segunda edição o montante arrecadado foi destinado para três entidades: o Centro de Reabilitação Emanuel Região das Hortênsias (CRERH), Lar do Idoso Maria de Nazaré e o Instituto Santíssima Trindade. Na terceira edição a doação foi novamente para a Comunidade Terapêutica Vale a Pena Viver.

O desafio de 2018

Neste ano o pedido é para que novamente a comunidade acolha a iniciativa que irá resultar em melhorias para dois projetos muito especiais: um que trabalha focado em educação e prevenção junto a crianças e adolescentes (Projeto Águia – Janz Team Gramado/Teach Beyond) e o outro que atua no auxílio a dependentes químicos em regime de tratamento (Centro de Reabilitação Emmanuel Região das Hortênsias).

SERVIÇO

 O QUÊ: 4ª Feijoada do Bem

QUANDO: 22 de setembro – sábado

HORÁRIO: A partir das 12 horas

LOCAL: Casa Bertti (na Villa Sergio Bertti – Avenida Borges de Medeiros, 4.840 – Gramado)

INGRESSOS:

R$ 125,00 adultos (com bebidas inclusas)
R$ 50,00 (crianças de 3 a 10 anos) (com bebidas inclusas)

  • Crianças de zero a 2 anos (isentas)

CANAIS DE COMPRA: Voluntários que participam da organização do evento.

MAIS INFORMAÇÕES:

https://www.facebook.com/groups/811589178948479/