Fedoca recebe pretendentes ao cargo de conselheiro tutelar

0
513
Prefeito Fedoca Bertolucci, presidente da Câmara Municipal, vereador Rafael Ronsoni, reunidos com candidatos ao cargo de conselheiro tutelar. Foto: Carlos Borges.


Uma comissão formada por candidatos desaprovados na fase eliminatória da eleição para o Conselho Tutelar de Gramado foi recebida pelo prefeito Fedoca Bertolucci (PDT) na terça-feira, 16. De um total de 23 candidatos inscritos, na fase inicial do processo, apenas dois participantes foram aprovados para disputar o voto popular, em eleição ainda sem data definida.

A advogada do grupo, Paula Miranda, apresentou ao prefeito uma ação em que pede a nulidade do edital e do processo seletivo. “Viemos conversar com o prefeito e pedir o apoio dele para que apure de fato o que aconteceu e o que pode ser feito para que ninguém saia prejudicado no andamento desta eleição”, disse.

O prefeito assumiu o compromisso de consultar a Procuradoria Geral do Município, a fim de apurar os detalhes dos passos já adotados na eleição para o Conselho Tutelar. O presidente da Câmara Municipal, vereador Rafael Ronsoni (Progressistas), acompanhou a reunião.

ECA
O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) prevê cinco vagas de conselheiro Tutelar e cinco suplentes. Dos 23 candidatos inscritos na fase inicial do processo, já encerrado, apenas dois inscritos foram aprovados. A eleição é coordenada pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (COMDICA).