Exposição de artesanato acontece no Espaço Cultural Estação Férrea Várzea Grande

0
821
J'annice e sua filha Karen Dominguez Imbert. Foto: Milena Dallarosa.


O Espaço Cultural Estação Férrea Várzea Grande – Museu do Trem, recebe até março de 2019 a exposição da uruguaia J’annice Nery Imbert Cabrera (Ariana Arte), de 54 anos, que mora em Gramado há três anos.

Quem for até o espaço, poderá conferir pinturas em tela e vidros decorados, além de todo o acervo do museu.

Segundo Ariana, como a artista gosta de ser chamada, Gramado à inspira e a fez fluir para novos tipos de arte, como os vidros decorados, que ela começou a produzir no grupo do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) onde sua mãe participava e foi convidada.

A artista, que mora no Bairro Várzea Grande, veio para a Serra Gaúcha logo depois que sua filha e sua mãe haviam se mudado e, segundo ela, na cidade sente liberdade e amor, coisas que já não sentia no Uruguai. “Tudo aqui é muito bonito, tem muita segurança e muita paz, por isso eu gostei e quis morar aqui”.

Quem se interessar por alguma das peças expostas pode entrar em contato com J’annice pelo telefone (54) 9 9666 8627.