Em Brasília, Fedoca solicitou recursos para agricultura, educação e turismo

0
1145
Prefeito Fedoca, secretário adjunto de Governança, Anderson Boeira, e deputado federal Mauro Pereira com o ministro do Turismo, Marx Beltrão. Foto: Divulgação


Projetos ligados à agricultura, turismo e educação estiveram na pauta do prefeito Fedoca Bertolucci (PDT) durante viagem a Brasília, nesta semana. Acompanhado do secretário adjunto de Governança, Anderson Boeira (PMDB), o gestor público visitou gabinetes e ministérios de segunda, dia 6, a quinta-feira, 9 de novembro.

No Ministério da Agricultura, Fedoca solicitou apoio para aquisição de maquinário para a manutenção das estradas do interior. No Ministério da Integração Nacional, projetos encaminhados por Gramado para a implantação de rede trifásica na zona rural foram o tema da reunião.

Fedoca e Boeira também foram recebidos pelo ministro do Turismo, Marx Beltrão, para o qual solicitaram a liberação de recursos para Gramado até o final do ano. A implantação de cursos técnicos a distância no polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB) foi à pauta no Ministério da Educação.

“A UAB conta com dois cursos em andamento – Sociologia e Letras/Português, pela UFSM, e outros dois já confirmados: Sistemas para Internet, uma parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Rio-Grandense (IFSul), de Pelotas, e o Bacharelado em Desenvolvimento Rural (Plageder), pela UFRGS, além de cursos de especialização e aperfeiçoamento. A oferta de cursos técnicos completaria este cenário de novas oportunidades para os gramadenses”, avalia Fedoca.

Embaixada do Canadá

Na Embaixada do Canadá, prefeito e secretário adjunto foram recebidos pelo embaixador Riccardo Savoni e pela ministra-conselheira Alison Grant. Savoni elogiou o Festival de Cinema de Gramado, que contou com a participação ativa da Embaixada, já que o Canadá foi o país homenageado em 2017. “Tenho feito propaganda de Gramado para outras embaixadas, elogiando a organização do evento e a infraestrutura da cidade”, salientou o embaixador.