Dupla é presa por homicídio em Canela

0
4314


No começo da noite de domingo (20), a Brigada Militar de Canela foi acionada via 190, por populares que ouviram disparos de arma de fogo no Bairro Palace Hotel, no Rua Uruguai com a Rua Minas Gerais.

Conforme relatos, quatro homens estavam em um veículo Corsa Classic, cor preta, e pararam no local onde começaram uma discussão. Momento que dois desceram.

Os que ficaram dentro do veículo puxaram a arma e realizaram os disparos. Um foi atingido e ficou caído, o outro conseguiu correr e fugir.

Com as informações, as guarnições de serviço deslocaram-se ao bairro onde visualizaram o carro suspeito, placas de Gramado, iniciando acompanhamento por vários bairros e ruas da cidade, sendo que ainda jogaram a arma pelo caminho..

Na Rua Júlio de Castilhos, na área central, os Policiais Militares conseguiram efetuar a abordagem e prisão da dupla. Com eles não foi encontrada a arma do crime.

Na sequência, um cidadão ligou ao 190 informando que havia encontrado um revólver no chão, na Rua Gabriel de Moraes Velho, próximo ao lago, e a seis quadras do local dos tiros. A arma estava com a numeração raspada.

A vítima de 25 anos, possuía antecedentes por furto, roubos e tráfico de drogas, foi alvejada com três tiros, não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo no hospital.

Os autores de 18 anos, com antecedentes por furto, tráfico de drogas e suspeito de tentativa de homicídio , e o outro de 19 anos, com antecedentes por tráfico de drogas, foram presos em flagrante por homicídio doloso.

Posteriormente, a vítima que escapou, de 18 anos, foi abordada por uma guarnição e confirmou o fato.

O Capitão Jorge Mascarin, comandante da Brigada Militar de Canela, destaca a dedicação dos nossos policiais militares nas ações: “Importante citar a prevenção de crimes, como ocorreu em frente ao Presídio de Canela, onde indivíduos armados foram presos próximo a saída do semiaberto, assim como as inúmeras prisões na repressão a crimes, como a que ocorreu hoje, em que as guarnições conseguiram fazer a prisão tão logo o crime ocorreu, de indivíduos que há suspeitas de estarem envolvidos em outros homicídios. Com esta ação a Brigada Militar frea este tipo de ação violenta”.