Dia D da vacinação contra poliomielite e sarampo é neste sábado

0
1017
Campanha contra Sarampo e Poliomielite. Foto: Divulgação.


Neste sábado (18), os postos do Centro, CAIC, ESF Várzea Grande e ESF Nailor Balzaretti estarão abertos para o Dia D da vacinação contra o sarampo e a poliomielite, das 8h às 17h, sem fechar ao meio-dia. Em Gramado, o público-alvo e formado por 1.744 crianças de um a quatro anos, 11 meses e 29 dias que residem no município. A meta é imunizar 95% delas – 1.657 crianças.

De acordo com a Secretaria da Saúde, até agora, foram aplicadas 498 doses da vacina, o que representa 28,56% da meta estipulada.

“Estamos passando por um período de reinserção das doenças por conta da baixa cobertura vacinal, por isso, mesmo não tendo casos de sarampo e poliomielite registrados na cidade, a campanha é muito importante, reforçando a imunidade das crianças e garantindo a proteção”, comenta a coordenadora da Vigilância em Saúde, Marina Toniolo.

A campanha da vacinação contra o sarampo e a poliomielite segue até o dia 31 de agosto.

DIA D – SÁBADO, 18 DE AGOSTO

Das 8h às 17h – sem fechar ao meio-dia

Centro Municipal de Saúde (Postão)

UBS CAIC

ESF Várzea Grande (Vila Olímpica)

ESF Nailor Balzaretti (Pórtico II)

Locais de Vacinação até 31 de agosto

Centro Municipal de Saúde (Postão)

Manhã: 7h30 às 11h

Tarde: 13h30 às 17h

UBS CAIC

Manhã: 8h às 11h

Tarde: 14h às 17h

ESF Várzea Grande (Vila Olímpica)

Manhã: 7h30 às 12h

Tarde: 13h às 17h

ESF Nailor Balzaretti (Pórtico II)

Manhã: 8h às 11h

Tarde: 14h às 16h30

Saiba mais sobre Sarampo e Poliomelite

Sarampo – Doença infecciosa, transmissível e extremamente contagiosa, podendo evoluir para complicações e óbitos, especialmente em crianças desnutridas e menores de um ano de idade. A transmissão ocorre de pessoa a pessoa. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, no Rio Grande do Sul, são 13 casos confirmados.

Poliomielite – Também pode ser chamada de paralisia infantil. É uma doença viral que pode afetar os nervos e levar à paralisia parcial ou total. Nesta campanha, a vacinação é indiscriminada, ou seja, indicada para todas as crianças dessa faixa etária, independente se estão com as doses de rotina em dia ou não.