Corpo de detento é encontrado com tiros na cabeça e no pescoço

0
1634


Um detento do Presídio Estadual de Canela foi encontrado morto no domingo, 4 de março, na divisa da zona rural entre Gramado e Canela. O corpo de João Carlos dos Santos, 33 anos, foi localizado por volta das 18 horas na beira de uma via conhecida como Estrada do Meleiro.

A vítima apresentava sinais de tortura, como perfurações no pescoço e cabeça provocadas por disparos de arma de fogo. João foi encontrado com as mãos amarradas e descalço.

Ele cumpria pena no regime semiaberto no Presídio de Canela desde 2017, cadeia para qual pediu transferência do Presídio Regional de Caxias do Sul (Pergs). João deveria ter se apresentado em Canela às 19 horas de domingo.

Técnicos do Instituto Geral de Perícia estiveram no local onde o cadáver foi encontrado, assim como a Brigada Militar (BM) e a Polícia Civil. O caso deverá ser apurado pela DP de Gramado. João tinha antecedentes criminais por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas.