Como ter tempo para cuidar das suas finanças

0
279


Durante a consultoria pessoal, eu questiono várias situações da vida pessoal do cliente para trazer soluções que funcionem para aquela pessoa.

Todos sabem que devem gastar menos do que ganham e que precisa organizar as suas contas. Porém muitos me dizem que não tem tempo para cuidar das suas contas.

Quando você diz: EU NÃO TENHO TEMPO PARA CUIDAR DAS FINANÇAS podem estar acontecendo uma dessas duas situações:

1) Você não está priorizando esta tarefa;

2) Você não sabe como fazer, e por isso acaba demandando muito tempo;

Eu sei que a tarefa de organizar documentos, organizar gastos e calcular despesas não é a tarefa mais empolgante da minha semana. Porém é preciso entender que a partir do momento que você começa a fazê-la e vê os resultados dos seus esforços, você vê que vale a pena.

Eu costumo associar a exercício físico e alimentação equilibrada. Não vai ser em uma semana que você verá o resultado, mas após vários meses tendo regularidade você se sentirá melhor com o seu corpo, mais saudável e mais disposto.

Aqui vão algumas ideias de como conseguir arrumar tempo na sua agenda para o seu financeiro.

1) Escreva suas metas

Quando você escreve o que é realmente importante para você, passa a se sentir mais motivado. E isso vai te ajudar a manter o foco.

2) Separe um bloco de tempo

Escolha um bloco de tempo exclusivamente para cuidar das suas finanças. Coloque cada tarefa em um bloco de tempo, assim facilita a sua organização diária.

Separe 30 minutos por mês para organizar o seu orçamento.

Semanalmente, para acompanhar o seu orçamento.

3) Faça um orçamento simplificado

O orçamento deve ser simples e prático para facilitar o seu dia a dia e despender menos tempo.

Além disso, quando o método escolhido é muito complexo você acaba se sentindo desestimulado a continuar.

No seu orçamento devem ter as seguintes informações:

  1. Despesas: São os gastos essenciais para que você consiga se manter. Nele estão inclusos: transporte, alimentação, luz, água, plano de saúde, aluguel, ect.
  2. Metas: Aqui entram aquilo que você quer fazer, que te faz bem, mas não é essencial. O ideal é que 30% da sua renda seja comprometido com suas metas. Inclui: cursos, roupas, passeios, presentes, gastos com beleza, ect.
  3. Investimentos: Este é o seu compromisso com o seu EU do futuro. O ideal é que 20 % da sua renda atual seja destinada a isso

4) Ferramentas são as suas principais aliadas

Para poder facilitar o seu dia a dia, as ferramentas são as suas principais aliadas. Você pode escolher entre planilhas, aplicativos ou planners. O que for mais simples para o seu dia a dia.

Você pode usar a técnica dos envelopes. Vou usar exemplificar para facilitar, separe R$ 500,00 para as compras diárias no supermercado dentro de um envelope, cada vez que você for ao mercado, vai retirar o valor daquele envelope, sempre incluindo o recibo.

Outra opção que eu sempre indico, é utilizar apenas o débito. Acompanhando semanalmente seu extrato, passando as informações para um caderno ou planilha, assim não corre o risco de esquecer um gasto.

Lá no meu site tem um modelo de planilha para você baixar, acesse aqui.

Sei que a nossa rotina é extremamente corrida, mas sei também que com organização e planejamento é possível ter um tempinho para se dedicar a cuidar do seu dinheiro.

Tenho certeza que o esforço valerá a pena!