Canela perde um dos idealizadores da Semana do Bebê

0
1223


Odon Frederico Cavalcanti Carneiro Monteiro, natural de São Francisco de Paula, graduado em medicina pela UFRGS, especializou-se em psiquiatria na Universidade de Madrid, na Espanha. Morreu em 28 de janeiro, em Porto Alegre, deixando esposa, filhos, neta e bisneta.

Em 2012, na 13ª edição da Semana do Bebê de Canela, Odon Cavalcanti foi o patrono, uma forma de agradecimento de toda a comunidade de Canela pelos anos de dedicação de Odon não só ao evento, mas à saúde das crianças numa fase tão importante que é a primeira infância.

A
Semana do Bebê de Canela foi exemplo para várias cidades do país e
do exterior e hoje acontece em mais de 400 municípios brasileiros,
utilizando o exemplo daqui.

Em
2010, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) lançou
uma publicação sobre a Semana de Canela, narrando a trajetória de
sucesso do evento. O livro “Como realizar a Semana do Bebê em
seu município: 10 anos priorizando a primeira infância em Canela”
apresenta orientações aos municípios sobre práticas de promoção
dos direitos das crianças a partir das atividades realizadas pela
cidade e circula por todo o Brasil.

As
primeiras sementes da Semana do Bebê surgiram através dos alunos do
Curso a distância de Psicopatologia do Bebê dos Professores
Lebovici, de Paris e Barriguete, do México. Em Canela, Odon
Cavalcanti, Salvador Célia (médico especializado em Psiquiatria
Infantil, já falecido) e o radialista Pedro Dias iniciaram a
proposta juntamente com a ULBRA, Governo Municipal e empresários da
comunidade.


EDIÇÃO DA SEMANA DO BEBÊ

Assim,
de 7 a 13 de maio de 2000, nascia a 1ª Semana do Bebê de Canela,
mobilizando a cidade e técnicos a discutirem a saúde física e
mental dos bebês, avaliando indicadores sociais, dando assistência
às famílias, defendendo os direitos das crianças e adolescentes,
orientando e educando para a prevenção e criando canais de
comunicação que divulgassem a importância da infância.

Odon
Cavalcanti em todos os seus pronunciamentos, falava sempre que a
frase que vinha em sua memória naquele instante era uma sempre
utilizada por Salvador “Nós todos temos um bebê dentro de nós e
quanto mais podermos mostrar esta criança, mais bem faremos a
todos”.

ORSOLIN
e CEZAR LAMENTAM PERDA

O
prefeito Constantino Orsolin expressa seu mais profundo pesar pelo
falecimento de Dr. Odon e salienta que Canela perdeu um de seus
maiores nomes, que tanto contribuiu para a nossa sociedade,
principalmente para a primeira infância.

“Neste
momento de dor e sofrimento, nos juntamos à família e amigos no
sentimento de perca e grande pesar, rogando a Deus que dê a cada um
o conforto na certeza que Dr. Odon cumpriu sua missão com
excelência. Canela perde mais que um médico, perde um ser humano de
inúmeras qualidades”.

O
vice-prefeito e coordenador da Semana do Bebê, Gilberto Cezar,
destaca que Dr. Odon foi referência em cuidados com a primeira
infância no Brasil e reconhecido no exterior. “Nossas condolências
a toda família e amigos. Sem dúvidas seu legado permanece vivo em
projetos e ações voltados a assegurar uma melhor qualidade de vida
para os bebês”.