Brigada Militar de Canela prende trio com camionete furtada

0
381

Na noite de quinta-feira (23) a Brigada Militar de Canela evitou uma ação criminosa ao prender três indivíduos no Bairro canelinha. Eles estavam com uma camionete furtada no final da tarde e com um simulacro de arma de fogo, provavelmente estavam se articulando para cometerem outros crimes.

O furto do veículo

Por volta das 18 horas, a Brigada Militar foi acionada pelo proprietário de uma revenda de automóveis, localizada na Avenida Cônego João Marchesi, Bairro Canelinha, informando que um homem chegou ao estabelecimento, escolheu o veículo, uma camionete GM/S10 Tornado, pediu para testar e levar até um mecânico de sua confiança. Um funcionário acompanhou o falso cliente até um mecânico no Bairro São Luiz. Ao chegar ao local o indivíduo empurrou o funcionário e fugiu com a caminhonete, tomando rumo ignorado.

A prisão

Nesse momento foi dado o alerta para as guarnições. Por volta das 20 horas, os Policiais militares avistaram o veículo furtado na garagem de uma residência (com o pátio aberto), na Rua Presidente João Goulart, no bairro Canelinha, e uns indivíduos em volta dele, conhecidos pelos seus antecedentes.

Ao perceberem a presença da viatura eles correram, sendo abordados e detidos pelos Policiais Militares. Em revista pessoal foi encontrado na cintura de um deles, de 26 anos, com antecedentes por posses e tráfico de drogas, um simulacro (réplica) de um revólver. Os outros dois, um de 35 anos, com vasta ficha criminal por apropriação indébita, furtos, roubo a residência e tráficos de drogas, que inclusive cumpre prisão domiciliar; e o terceiro de 22 anos, com antecedentes por furtos e vários tráficos de drogas, foram presos em flagrante.

O Capitão Ubirajara da Rocha Dill, comandante da BM de Canela, destaca a resposta imediata das guarnições ao crime: “Isso demonstra o comprometimento e profissionalismo desses nossos policiais militares. Com certeza o furto do veículo foi premeditado. O objetivo principal era o cometimento de outro crime de maior vulto. Assim, com essa rápida ação, os policiais evitaram um mal maior”.