BM em ação com o PROERD em Gramado e Canela

0
967
Mais de 1100 alunos aprendendo a dizer não às drogas e à violência. Foto: BM.


Um trabalho já consolidado, realizado pela Brigada Militar nas escolas da Região das Hortênsias, o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD) atualmente trabalha com 1120 alunos nos municípios de Gramado e Canela, em escolas particulares, estaduais e municipais.

Já contando com os dois Policiais Militares, um de cada município, que realizaram o curso de instrutor no mês de Maio, este ano é possível abranger este número maior de turmas e séries. Outra novidade é o Proerd Pais que será realizado no mês de agosto em Gramado.

EM CANELA PROERD ACONTECE DESDE O MÊS DE ABRIL

Contando com três Policiais Militares ministrando os encontros, a Brigada Militar de Canela desenvolve o Proerd em 11 escolas. A Tenente Robriane Dalsin, com quatro turmas, e o Sargento Bento Cleber Rodrigues Dornelles, com doze turmas, iniciaram as aulas em abril com as turmas dos 5º anos. O Soldado Jeferson Secco Oliveira, iniciou neste mês de junho, com nove turmas em cinco escolas, ministrando as aulas para os 4º anos.

Soldado Jeferson, que ministra as aulas pela primeira vez, destaca a nova missão: “É uma experiência nova, diferente daquilo que estava acostumado a fazer no policiamento. É o outro braço da Brigada Militar, o lado preventivo, muito importante e extremamente gratificante”.

Sargento Dornelles, que já realiza o Proerd desde 2010, destaca a importância de mais Policiais Militares se juntarem no projeto: “Além de reciclar o aprendizado, mais instrutores possibilitam que a Brigada Militar abranja um maior número de alunos, séries diferentes, para preparar e massificar desde mais novos os alunos, podendo realizar uma educação continuado nos assuntos contra as drogas e violência”.

A Tenente Dalsin completa que com a chegada de mais um instrutor, já foi possível ministrar aulas aos 4º anos: “Para o segundo semestre a ideia é alcançar também os 7º anos, assim como inserir o Proerd na educação infantil, fortificando o nosso trabalho nas escolas”.

GRAMADO

Em Gramado as aulas do Proerd iniciaram no final do mês de maio em dez escolas. Os encontros são ministrados pela Soldado Talita Raaber, cinco turmas, e o Soldado Filipi Rocha Rezende, com nove turmas.

Assim como em Canela, este ano a Brigada Militar em Gramado também desenvolve o Proerd aos 4º anos. A Soldado Raaber, que ministra os encontros, destaca a participação das novas turmas: “Importante já ir preparando os alunos a aprender a tomar suas próprias decisões. Outros pontos trabalhados são os fatores de responsabilidade, valores familiares, características de ser um bom cidadão e identificar riscos domésticos “.

O Soldado Rezende, que iniciou no Proerd neste ano, destaca essa nova experiência: “É um desafio e uma alegria poder fazer parte nesses encontros e mostrar um pouco o caminho do bem, ensinar os alunos fazer boas escolhas”.

EM AGOSTO INICIA O PROERD PAIS

Em uma iniciativa inédita na região, em agosto, a Brigada Militar realiza o Proerd Pais. Serão quatro encontros com pais e mães de alunos, não necessariamente que estejam participando do Proerd.

As aulas serão ministradas pela Soldado Raaber: “A ideia é uma conversa, uma troca de informações, mostrar a importância da família na adolescência e fazer com que os pais olhem e enxerguem seus filhos.”

O objetivo é que a Brigada Militar os ajude a identificar os primeiros sintomas, caso os filhos estejam se envolvendo com drogas, pois muitas vezes a família não tem a informação. Também instruir como lidar e apoiar eles no encaminhamento (o que fazer e quem procurar). Proerd Pais ainda aborda assuntos de drogas mais pesadas que não são tratadas nos encontros com os alunos. Ainda identificar os efeitos de cada droga, para através do comportamento do filho saber com o que está envolvido ou se envolvendo.

Nesta primeira edição, o Proerd Pais será realizado na Escola Presidente Vargas, e assim como ocorre com os encontros com os alunos será distribuído cartilhas e desenvolvidas atividades. Os pais também participarão da formatura e receberão certificados de conclusão.