Audiência Pública debateu localização de escola no Carniel

0
573
O encontro foi conduzido pela Comissão de Infraestrutura, Turismo, Desenvolvimento e Bem-Estar Social. Foto: Câmara de Vereadores.


A Câmara Municipal realizou ontem, dia 07, na sede do Legislativo, audiência pública para debater a questão da localização de escola municipal de educação infantil, no bairro Carniel.

O encontro foi conduzido pela Comissão de Infraestrutura, Turismo, Desenvolvimento e Bem-Estar Social, formada pelos vereadores Professor Daniel, Manu e Volnei da Saúde e contou com a apresentação por parte do Executivo Municipal, no ato representado pelas secretárias de Educação, Gilça Silva e de Governança, Simone Bender, bem como pela arquiteta autora do projeto, Débora Dall’agnol.

A questão foi abordada, pois os vereadores estão analisando projetos do Executivo Municipal que buscam autorização para que a escola infantil, que a principio deveria ser instalada junto à escola de ensino fundamental Maximiliano Hahn, passe para outro local. O espaço fica na Rua Roca Salles, nos fundos do loteamento Vivendas do Arvoredo, em área pública. Atualmente o espaço é uma área de livre uso público – ALUP e será transformado em uma Área Pública de Equipamentos Comunitários – APEC.

O novo espaço abrigará 164 crianças e será 100% acessível, uma escola modelo nos padrões da FNDE. Ela atenderá crianças de 0 a 3 anos e 11 meses. Os atuais alunos da Escola Infantil Pequenos Gigantes serão os primeiros a serem encaminhados a nova estrutura, se aprovada, e o restante das vagas, estima-se que 80 serão criadas para atender a demanda da comunidade.

Ainda, as Secretárias explicaram que como o recurso para a obra vem de uma desafetação de terras no Bairro Carniel, o intuito é de investir na própria localidade. O valor da obra é de R$ 1,3 milhões.

A comunidade manifestou-se favorável a proposta apenas deixando registrado que não haverá acesso ao local por dentro do loteamento, mas sim pelas vias do bairro Carniel.

A proposta retorna para a Comissão de Infraestrutura, que fará relatório final e se aprovada seguirá para votação em Plenário ainda no mês de março.

Participaram do encontro ainda os vereadores Dr. Ubiratã, Everton Michaelsen, Luia Barbacovi, Rafael Ronsoni, Renan Sartori e Rosi Ecker Schmitt.